Ervas medicinais para limpar o fígado

Ervas medicinais para limpar o fígado

A infusão de menta e hortelã-pimenta facilita a digestão e estimula a atividade hepática.

fonte: https://melhorcomsaude.com

Por isso é importante que preste atenção a seguinte lista de plantas que te ajudarão a limpar o fígado e a vesícula biliar de maneira natural, já que essas plantas tem a capacidade de desintoxicar estes órgãos.

Casca de árvore de Borututu

Burututu

A casca desta árvore tem uma grande quantidade de propriedades, as quais têm sido utilizadas há muitos anos pra desintoxicar o fígado, vesícula biliar e todo o aparelho digestivo em geral. Além disso, é um grande depurativo ou purificador do sangue. Seu alto teor de antioxidantes ajuda a fortalecer o corpo pra que este resista e repila as toxinas que se encontram no meio ambiente, na água, em alguns alimentos e as geradas pelo estresse.

Raiz de Chicória

A raiz de chicória tem excelentes benefícios e propriedades que dão uma grande ajuda no processo de desintoxicação tanto do fígado quanto da vesícula biliar. A raiz desta planta tem a capacidade de evitar a formação de cálculos biliares e no fígado. Com uma colherada de raízes e duas xícaras de água fervente é possível preparar um chá saudável, que deve ser tomado duas vezes ao dia.

Celidônia maior

width="500"

Esta planta é utilizada com frequência para limpar o fígado, vesícula biliar e sangue, e, além disso, pode ser de grande ajuda para tratar alguns problemas respiratórios e aliviar os sintomas de má digestão.

Este é um outro presente da natureza que é afirmado por ser rico em termos de antioxidantes. Diz-se conter benéficos alcalóides, que estão concentradas em suas raízes. Estes suportam a via biliar e o fígado. Além disso, sendo Ervas Medicinais que Ajudam a Limpar o Fígado acelera a desintoxicação do fígado através de auxiliar na produção de bílis.

Sementes de leite de Cardo Mariano

Estas sementes tem a capacidade de aumentar a capacidade de regeneração dos tecidos do fígado, que por razões naturais ou por algumas doenças vão acabando. Além disso, aumenta a produção de bile que é importante para o bom funcionamento do fígado.

Uma boa infusão feita com estas sementes ajuda eficientemente a controlar os níveis de colesterol e te proporciona uma grande quantidade de antioxidantes que são muito importantes para acabar com os radicais livres e prevenir as inflamações do fígado e vesícula.

1. Chá de cardo-mariano

Remédio caseiro para gordura no fígado

Um ótimo remédio caseiro para gordura no fígado é o chá de cardo-mariano, pois esta planta contém propriedades adstringentes, facilitadores da digestão e estimuladoras do apetite, que aliviam os sintomas de gordura no fígado como perda de apetite, enjoo e vômitos.

Ingredientes

  • 2 colheres (de chá) de sementes de cardo-mariano
  • 2 xícaras de água

Modo de preparo

Coloque a água para ferver e depois de fervida, adicione as sementes de cardo-mariano. Deixe repousar durante 15 minutos, coe e beba 30 minutos antes das refeições.

Este remédio caseiro para gordura no fígado deve apenas complementar o tratamento para gordura no fígado que deve ser feito com dieta, exercício físico, não fumar e não consumir bebidas alcoólicas.

(esta erva não deve ser tomado em quantidade maior que a necessária e não por muito tempo)

Folhas de Menta

menta-wiccked

Uma infusão de folhas de menta combinadas com algumas de hortelã pode ser eficaz para ajudar o correto funcionamento do fígado e vesícula biliar, assim como de todo o aparelho digestivo, já que estas duas plantas tem a capacidade de relaxar os músculos e reduzir as cólicas que aparecem quando há algum problema estomacal.

A cúrcuma

A cúrcuma é um poderoso antioxidante, o que a torna uma importante ajuda para eliminar as toxinas do organismo, limpando o sangue para manter o corpo em perfeitas condições. Além disso, favorece a boa circulação do sangue, pelo que se recomenda o consumo regular desta para manter um fígado saudável. 

Raiz de Doca amarela

Esta raiz é bem eficaz na sua capacidade de desintoxicação, já que permite a eliminação de algumas substâncias que podem ser prejudiciais para o fígado e vesícula, e também tem a capacidade de estimular o trânsito intestinal, ajudando as pessoas que tem intestino preso. Inclusive pode aliviar problemas renais, já que aumenta a produção de urina, favorecendo a eliminação de toxinas que se encontram nos rins, bexiga e no organismo em geral.  Esta outra erva para o fígado, que devem ser consideradas excelentes. Tal como no caso das Ervas Medicinais que Ajudam a Limpar o Fígado que foram mencionados acima, ela também auxilia na produção de bílis, o que é útil para a digestão de gorduras. A raiz da doca amarela limpa os produtos químicos que são encontrados nos tecidos do fígado. Além da eliminação de sumos de fígado, ele também ajuda na digestão.

Quebra-pedra

Os benefícios desta planta maravilhosa foram descobertos a pouco tempo, porém sabe-se que é realmente eficaz para prevenir e melhorar os problemas que possam aparecer no fígado e rins, principalmente. Para fazer uma boa infusão de quebra-pedra deve-se colocar três copos de água (aproximadamente) e agregar três colheradas de folhas de planta. Depois de 15 minutos de fervura, deve abaixar o fogo e deixar repousar. É recomendado beber este preparado três vezes ao dia durante uma semana.

Esta planta não deve ser utilizada por mulheres grávidas ou lactantes, e deve-se consumir com cuidado se for diabético ou hipertenso.

  • Consuma mais fibras, mais líquidos, sucos naturais e batidas de vegetais. Evite carnes vermelhas, leite, gordura e alimentos com muitos temperos ou produtos químicos.
  • Infusão de cardo mariano: poucas plantas medicinais são tão certas para o fígado como o cardo mariano. Esta planta cura, desintoxica, regenera as células e desinflama o fígado. Pode ser encontrado em lojas de produtos naturais, tanto em comprimidos como em bolsas para chá. Tome todos os dias e ficará melhor.
  • Chá verde: o chá verde é essa infusão cheia de incríveis propriedades para nossa saúde. É digestivo, diurético, anti-inflamatório, rico em antioxidantes e muito adequado para ser tomado todas as tardes. Não perca a oportunidade.
  • O dente-de-leão: é uma das plantas essenciais para desintoxicar o fígado e para cuida-lo, é como um bálsamo que este órgão agradece todos os dias depois das refeições. Não tenha dúvidas, é um simples remédio que te fará muito bem.

 

  • Chá de chapéu de couro:O chapéu de couro, conhecido também como erva do brejo ou erva do pântano, é uma planta muito utilizada para tratar problemas de fígado. Modo de preparo: Ferva 20gr de chapéu de couro em 1 litro de água e tome uma xícara até 3 vezes por dia.

    Veja algumas receitas simples que podem ajudar a tratar a gordura do fígado

Fonte: https://www.remediocaseiro.com.br/

  • CEBOLA: Cozinhe 4 cebolas em um litro d’água e vá tomando pequenos cálices desse preparado ao longo do dia, todos os dias, durante um mês.
  • BERINJELA: Ajuda a reduzir o colesterol e deve ser consumida constantemente.
  • SUCO DE TOMATE: deve ser tomado 250 ml de suco em jejum.
  • CHÁ DE ALFACE: tomar até três xícaras de chá ao dia (a proporção é de 80g por litro de água);
  • CHÁ DE CHAPÉU-DE-COURO: Tomar até três xícaras de chá ao dia (a proporção é de 20g para cada litro de água);
  • CARQUEJA: tomar até três xícaras de chá ao dia;
  • MAÇÃ: a maçã é desintoxicante e por isso estimula a purificação do fígado.
  • JENIPAPO: é indicado nas afecções do fígado e baço;
  • VAGENS DE PAU-FERRO: amasse 3 vagens e deixe de molho em um litro de água por três dias. Tomar duas vezes ao dia depois do tempo de descanso.

    Vagens de Pau-Ferro

    Para o preparo da infusão é preciso amassar 3 vagens deixando-as de molho em 1 litro de água por um período de 3 dias. Recomenda-se o seu consumo por duas vezes ao dia.

Ervas para gordura no fígado: Limão, hortelã, boldo, erva doce, alcachofra

Nêsperas

A nêspera é conhecida por ser um bom remédio natural para curar o fígado gordo, uma vez que melhora as funções hepáticas graças ao seu efeito depurador sobre o corpo. Pode comer duas nêsperas por dia para melhorar o estado deste órgão.

Além disso, pode tomar um copo do suco destes frutos todos os dias para reforçar o tratamento médico desta condição hepática.

Beterraba e rabanetes

Outros alimentos que se podem incorporar na dieta e que ajudam a curar o fígado gordo são os rabanetes e a beterraba. Ambos ajudam a desinflamar e a depurar o fígado, tendo poucas calorias e tornando-se bastante nutritivos.

O rabanete pode consumir-se cru em saladas, enquanto que a beterraba apenas requer uma breve cozedura em água a ferver para se tornar num ingrediente ideal para saladas e acompanhamentos.

Gengibre

O gengibre contém vários antioxidantes e minerais essenciais para combater este transtorno hepático e que, além disso, graças às suas propriedades analgésicas e anti-inflamatórias oferece-nos muitos mais benefícios para a saúde, como aliviar as dores articulares, as enxaquecas e problemas gastrointestinais e circulatórios.

Para se beneficiar da raiz deste alimento, pode optar por adicionar a sua raladura na comida, por exemplo nas saladas ou como acompanhando em alguns pratos, ou pode optar por tomar cápsulas que encontrará à venda em lojas especializadas e farmácias ou fazer uma infusão.

Para preparar um chá de gengibre deverá ralar a raiz até obter 2 colheres de sopa, terá de as colocar em um recipiente e esmagá-las um pouco, adicionando depois água quente e deixando repousar por 5 ou 10 minutos. Depois deverá coar e tomar o chá 15 minutos antes de cada refeição.

Outra forma de fazer esta infusão é cortar 2 ou 3 rodelas desta raiz e colocar a ferver em 1 litro de água, deixe cozinhar durante 15 minutos e coe o líquido obtido. Deixe esfriar um pouco antes de tomar 3 vezes por dia, uns minutos antes das refeições.

Conselhos para melhorar o fígado gordo

Não se esqueça que estes remédios caseiros para curar o fígado gordo devem ser acompanhados por uma dieta saudável, por exercício físico e por várias mudanças nos hábitos para garantir a saúde e melhorar o estado hepático. Além disso, é imprescindível que um médico faça um seguimento do seu estado e decida se precisa ou não de um tratamento médico e que remédios caseiros são mais apropriados para o seu caso em concreto.

Astrágalo: Com as propriedades antivirais, bem como seus benefícios, o astrágalo é uma das maia ricas Ervas Medicinais que Ajudam a Limpar o Fígado e impulsiona a sua imunidade, não há dúvida de que é um dos favoritos na medicina alternativa chinesa. Quando se trata para o fígado, o astrágalo é conhecido por ter um composto conhecido como saponina, que fornece a proteção contra danos que podem ser provocados por agentes químicos.

Alcachofra: Especificamente, a folha desta erva é conhecida por suas propriedades amantes do fígado. Entre outras Ervas Medicinais que Ajudam a Limpar o Fígado, ela tem sido popular por causa das alegações de que ele pode ajudar a melhorar o fluxo da bílis para o fígado. Caso não saiba, se a bile fica preso em torno do fígado, complicações podem acontecer.

Borotutu Bark: O nome pode parecer estranho, mas é uma das ervas Ervas Medicinais que Ajudam a Limpar o Fígado mais potentes que é conhecida por ser capaz de lutar contra a cólica biliar e para fornecer suporte para o nosso sistema digestivo. Por ser rico em antioxidantes, esta é uma erva eficaz para a proteção do fígado contra danos extremos.  O Borututu é um produto natural obtido a partir de uma planta africana (Cochelospermum Angolense) que tem propriedades preventivas e curativas. Normalmente a parte utilizada é a raíz da planta, pois é rica em quinonas, catequinas, polióis e bioflavonóides,  substâncias com propriedades desintoxicantes, purificadoras e antioxidantes. Esta planta é um dos mais poderosos desintoxicantes naturais para o fígado. Protege o sistema digestivo e o aparelho urinário.

Propriedades

As suas propriedades estão direcionadas para o trato digestivo. Pode ser usado no tratamento ou prevenção de:

– Colite, Hepatite, Esteatose hepática, Icterícia, Outros problemas de fígado, Problemas de vesícula, Purificante do sangue, Problemas do sistema urinário , Gastroenterites, Dislipidemias (p.e. colesterol elevado), Dificuldades de digestão, Prisão de ventre

O poder antioxidante atribui-lhe caraterísticas protetoras em relação aos efeitos nocivos dos radicais livres. Em casos de herpes, chagas e outras afeções de pele pode ser usado para tratar os sintomas e ajudar na cicatrização. Recentemente, associa-se a capacidade de aliviar a sensação de fadiga

Lembre-se…

As plantas são uma ajuda importante no tratamento de enfermidades, especialmente para preveni-las. Por isso é importante saber para que cada uma serve, e, sobretudo, ter cuidado de realizar o tratamento como indicando e não consumir quantidades maiores do que as recomendadas, a fim de evitar efeitos adversos.